Internet mais barata vai aumentar problemas com infraestrutura, avisa ministro


Banda LargaDurante o 2º Encontro dos Blogueiros Progressistas, realizado na última sexta-feira (17/6), o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, analisou os impactos do processo para popularizar a internet no País. E uma das preocupações do ministro é que, com o aumento no número de pessoas conectadas, a falta de uma infraestrutura adequada fique ainda mais evidente.

A partir do segundo semestre de 2011, o Governo federal vai implementar um programa voltado a oferecer internet banda larga a preços acessíveis, entre R$ 25 a R$ 35 por mês. O que justifica essa perspectiva de aumento no volume de brasileiros conectados à web.

“Percebemos que quando começarmos a vender a internet mais barata, vamos ter problema sério de infraestrutura”, disse Bernardo, segundo notícia divulgada pela Agência Brasil. Ainda segundo ele, o Governo pretende investir na construção de redes de fibra ótica, com o intuito de atender ao aumento da demanda de acesso. “Disseram que precisávamos de US$ 144 bilhões para fazer investimentos, eu não acredito nisso”, ressaltou.

O ministro também descartou a possibilidade de transformar a banda larga em um serviço público, ou seja, sob responsabilidade do Governo. Ele lembrou que hoje existem cerca de 5 mil provedores de internet no País.

Publicado em 21/06/2011, em Informática e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: